Pelo jeito a novela do novo técnico da seleção vai longe.

Depois de ter sido anunciado como novo técnico da seleção, Muricy conversou com os dirigentes do Fluminense e não houve sua liberação. Dessa forma a seleção continua sem técnico.

A CBF mais uma vez age de maneira errada, ao conversar primeiro com um técnico empregado, antes de conversar com quem o emprega. Infelizmente vemos mais uma vez a politicagem predominando neste meio do futebol.

Claramente a CBF quis prejudicar o Fluminense, não que o Muricy não mereça a seleção, eu já disse no post anterior que ele era um dos três melhores. Mas isso está parecendo represália ao Flu por não ter votado no candidato da CBF no clube dos 13.

Mas enfim, ficamos novamente na expectativa de saber quem será o novo técnico da seleção.

Na minha modesta opinião, não deve ser o Mano.

Anúncios